• denuncias
  • peticionamento
  • Mediação
  • mov procedimentos
  • autenticidade de documentos
  • administracao publica
  • fraudes trabalhistas
  • liberdade sindical
  • meio ambiente
  • promocao igualdade
  • trabalho escravo
  • trabalho infantil
  • trabalho portuario
    • Decisão judicial assegura direitos a trabalhadores de postos de combustível
    • Abertas as Inscrições para Estágio em Direito na Sede (Fortaleza)
    • Ceará registra um acidente de trabalho por hora
    • Criação de comitês abre caminho para participação de adolescentes em políticas públicas
    • Fortaleza ocupa 13ª posição entre municípios com mais acidentes de trabalho, no país

    Fortaleza ocupa 13ª posição entre municípios com mais acidentes de trabalho, no país

    Fortaleza registrou 26.319 Comunicações de Acidente de Trabalho (CAT’s) entre 2012 e 2017, o que corresponde a 50% do total de ocorrências de todo o Ceará, no período. A capital ocupa hoje a 13ª posição entre os 5416 municípios brasileiros listados no ranking do Observatório Digital de Saúde e Segurança do Trabalho, ferramenta alimentada automaticamente por meio de cruzamento de dados públicos.

    Imprimir

    Mesa-redonda discute o direito de mulheres à água

    Participou do debate a procuradora do MPT Sandra Lia Simón. Evento integra ciclo de ações e discussões por ocasião do Dia Internacional da Mulher

    Brasília – O Ministério Público do Trabalho (MPT) participou, nesta segunda-feira (5), de mesa-redonda sobre “Mulheres e o Direito à Água – violações de direitos no contexto de construção de barragens”, promovida pela Escola Superior do Ministério Público do Trabalho (ESMPU). O evento abriu também a exposição “Arpilleras: bordando a resistência”, composto por peças de bordado costuradas por mulheres atingidas por barragens. Os eventos fazem parte de uma série de ações promovidas pelo MPT e pela ESMPU por ocasião do Dia Internacional da Mulher, em 8 de março.

    Imprimir

    Planejamento estratégico do MP brasileiro para 2020-2029 começa a ser discutido

    “Será uma construção coletiva com a sociedade”, disse conselheiro do CNMP Sebastião Caixeta em reunião que contou com o vice PGT, Luiz Bojart, e o presidente da ANPT

    Brasília – Foi dado hoje, 28 de fevereiro, o primeiro passo para a reformulação do planejamento estratégico nacional do Ministério Público brasileiro, que deve ser implementado no período de 2020 a 2029 em todo o país. As etapas do processo foram apresentadas em reunião da Comissão de Planejamento Estratégico (CPE) do Conselho Nacional do MP (CNMP), que é presidida pelo conselheiro Sebastião Caixeta, membro do MP do Trabalho.

    Imprimir

    Campanha contra o trabalho escravo recebe apoio da imprensa

    “Baseado em Fatos Surreais” é exibida, em horário nobre, pela afiliada da Rede Globo no PI. Peças viraram anúncios no Correio Braziliense e nos principais jornais impressos de Fortaleza, de Pernambuco, de Goiás e da Paraíba

    No intervalo da novela da Globo, em horário nobre, telespectadores do Piauí se deparam com cenas de trabalhadores em condições degradantes. Em carvoarias, no corte da cana, em alojamentos improvisados, expostos a riscos e sem dignidade. As imagens captadas em operações de combate ao trabalho escravo, de norte a sul do Brasil, são parte da campanha “Baseado em Fatos Surreais”, resultado da atuação da Coordenadoria Nacional de Erradicação do Trabalho Escravo (Conaete), no Ceará.

    Imprimir

    • banner pcdlegal
    • banner abnt
    • banner corrupcao
    • banner mptambiental
    • banner email
    • banner radio
    • banner trabalholegal
    • banner audin
    • Portal de Direitos Coletivos